• Privacidade de dados

É possível ter privacidade de dados na internet?

  • calendário 28/12/2022
  • relógio 5 min de leitura
thumb

Para compreender a importância da privacidade de dados na internet, basta pensar em quantos momentos, até mesmo sem você perceber, seus dados pessoais são fornecidos no ambiente virtual.

Fazer uma compra, realizar pesquisas, preencher um cadastro e se matricular em um curso online são exemplos de situações nas quais vários dados são fornecidos e ficam armazenados por um longo tempo pelas empresas que os obtêm.

Diante disso, a pergunta inevitável é: como garantir que tais dados sejam protegidos e a privacidade dos usuários esteja assegurada? É sobre isso que vamos falar neste artigo.

O que significa privacidade de dados na internet?

Quando falamos sobre privacidade de dados na internet, a grande questão não é o fornecimento de informações em si, já que isso se tornou inevitável no ambiente digital.

O foco dessa privacidade é desenvolver mecanismos para evitar que os dados sejam usados de forma indevida, o que poderia trazer diversos prejuízos e transtornos aos usuários. 

A privacidade de dados na internet consiste em adotar um nível adequado de proteção capaz de garantir a segurança dos dados das pessoas, empresas e instituições conectadas à rede. 

É preciso lembrar que no dia a dia, diferentes tipos de dados são informados no ambiente digital, tais como nome completo, número de documentos pessoais, registros de CNPJ, dados bancários etc. 

Por que a privacidade na internet é importante?

Não é por acaso que a proteção de dados na internet é motivo de preocupação mundial. Em uma sociedade cada vez mais digitalizada, na qual a tecnologia tende a ser dominante nos próximos anos, é crucial entender a importância da privacidade e adotar os cuidados necessários para garanti-la. Os fatores abaixo demonstram com clareza porque a segurança dos dados é tão importante.

Garantir a segurança dos dados na internet

Para que os usuários consigam navegar pela internet com a segurança necessária, um dos fatores essenciais é garantir a privacidade. Além da preservação dos dados pessoais, isso significa proporcionar condições adequadas para que o ambiente virtual se torne mais seguro para todos.

Proporcionar segurança nas relações comerciais

A privacidade de dados na internet precisa de atenção redobrada por parte das empresas, instituições e outras organizações. Isso é fundamental para garantir a segurança dos clientes, fornecedores, parceiros etc. 

Outro ponto que merece destaque são as mudanças quanto às relações de trabalho. Com a ampliação do home office, as contratações à distância são cada vez mais comuns e, com isso, o fornecimento de dados pela internet tem sido ainda maior. 

Proteger dados sigilosos de pessoas e empresas

Numa sociedade conectada, onde as pessoas têm acesso à internet na palma de suas mãos, o nível de proteção de dados é um dos diferenciais para as empresas que desejam se manter competitivas. As pessoas naturalmente sentem mais confiança nas organizações que fortalecem a proteção dos dados e que adotam medidas de segurança eficientes. Dessa forma, é imprescindível garantir a privacidade dos dados pessoais dos clientes e também do seu negócio, contribuindo para uma sociedade que inova e, ao mesmo tempo, protege direitos fundamentais dos indivíduos. 

Evitar fraudes de identidade

Grande parte das fraudes de identidade que ocorrem no ambiente virtual estão relacionadas ao vazamento de dados pessoais. A única forma de evitá-las ou reduzir os riscos de que ocorram é adotar os cuidados necessários para garantir a segurança das informações dos usuários.

Prevenir roubos de dados

Quando o assunto é sigilo de dados na internet, um dos principais objetivos é evitar roubos que podem ocorrer de diferentes maneiras. Um deles é a obtenção indevida de dados, fazendo que informações pessoais dos usuários fiquem totalmente vulneráveis. Isso pode trazer sérios prejuízos financeiros para pessoas físicas e jurídicas. 

Leis para a privacidade de dados na internet

Diante da necessidade de adaptação quanto à segurança dos dados no ambiente virtual, foram desenvolvidas leis específicas que devem ser cumpridas no que se refere ao tratamento dos dados obtidos por meio da internet e demais meios.

Vejamos quais são essas leis.

Marco Civil da Internet

Sancionada em 2014, o objetivo da lei do Marco Civil da Internet consiste em assegurar a privacidade dos usuários na internet. Para isso, um dos principais pontos abordados é o não fornecimento de dados pessoais a terceiros. 

A promulgação dessa lei foi o início de um crescente movimento no meio jurídico para tornar o ambiente virtual mais seguro para todos os usuários, sejam pessoas físicas ou jurídicas.

Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD

Criada em 2018, a LGPD é considerada um dos avanços mais importantes quanto à privacidade de dados no ambiente virtual e nas demais situações que envolvem tratamento e proteção de informações. 

Ainda que ela seja relativamente recente, profundas mudanças já foram obtidas devido à LGPD, o que tem proporcionado muito mais segurança à população. 

O conteúdo da LGPD é composto por regras que devem ser cumpridas quanto ao fornecimento, obtenção, armazenamento e tratamento de dados. Estes cuidados específicos visam garantir a privacidade na internet e a segurança dos dados dos usuários.

Lei da Infiltração Policial na Internet

Publicada em 2017, o objetivo desta lei é autorizar que agentes policiais atuem na internet de forma infiltrada para investigar crimes que atentam contra a dignidade sexual de crianças e adolescentes.

Cyberbullying

O intuito dessa lei de 2015 é aplicar as punições cabíveis nos casos de depreciação de pessoas, incitação à violência ou adulteração de imagens e demais conteúdos que tenham a intenção de constranger um indivíduo. A lei do cyberbullying institui o Programa de Combate à Intimidação Sistemática (bullying).

Convenção de Budapeste

Recentemente, o Brasil aderiu à Convenção de Budapeste com o objetivo de favorecer ações de cooperação entre os países no combate aos crimes ocorridos no ambiente virtual.

Atualmente, essas leis consistem em referências fundamentais quanto à proteção dos indivíduos e segurança de dados na internet. Empresas e instituições já têm se adequado às exigências da legislação brasileira e estão investindo cada vez mais recursos para garantir o sigilo dos dados dos cidadãos. 

Atualmente, essas leis consistem nos pilares quanto à proteção dos indivíduos e segurança de dados no ambiente virtual. Empresas e instituições já têm se adequado às exigências da legislação brasileira e estão investindo cada vez mais recursos para garantir o sigilo e proteção dos dados dos cidadãos. 

Como reconhecer e se proteger de uma violação de privacidade de dados na internet?

Para evitar que a privacidade de dados na internet seja prejudicada, é preciso seguir alguns cuidados essenciais. São eles:

Ter uma estratégia de segurança digital

Trata-se de um conjunto de políticas e regras aplicadas por empresas, instituições e indivíduos que visam garantir a segurança no ambiente digital. Fazer um mapeamento das ameaças, aplicar ações preventivas e adotar recursos que elevem a segurança nas redes são itens básicos que devem ser cumpridos.

Navegar pela internet no modo anônimo

Por meio do Google, é possível identificar os websites visitados e verificar o histórico de navegação. Os buscadores também podem apontar informações como histórico de cliques, cookies e endereços de IP, fazendo com que os dados fiquem mais expostos.

Por conta disso, tanto em computadores quanto em celulares, o indicado é navegar pela internet usando o modo anônimo do Google Chrome. Essa opção de navegação evita o armazenamento de dados, tais como históricos de sites visitados, senhas, etc.

Cookies

Por meio deles, é possível obter dados quanto ao login, 

coletar informações referentes à busca e demais preferências do usuário. Portanto, a indicação é sempre revisar suas preferências de cookies ao invés de clicar em “aceito” em todos sem entender o que está aceitando.

Contar com serviços especializados

Assegurar a privacidade de dados na internet envolve uma série de fatores. Por isso, a recomendação é contar com serviços especializados nesta área, que cumprem a legislação e desenvolvem estratégias de proteção nos casos de ataques que colocam em risco a segurança dos dados. 
Para saber ainda mais sobre como manter a privacidade de dados na internet, confira este conteúdo da Unico e adote os cuidados necessários no ambiente virtual.

Conteúdos relacionados

icone logo n unico

Inscreva-se e fique por dentro dos melhores conteúdos

icone de um emoticon sorrindo Não se preocupe, nós nunca te enviaremos spam, ok?

Preencha nosso formulário