Por categoria:

  • Transformação Digital

Evolução do RH: o que mudou e o que podemos aprender?

Letícia Beilfuss
  • 3 de junho de 2022
  • 6 min de leitura
infopeople

Antes da evolução do RH para o que conhecemos hoje, o setor de Recursos Humanos era visto apenas como responsável por processos meramente técnicos e burocráticos. O mundo muda cada vez mais rápido e as tecnologias estão tomando conta de diversos setores, e não é diferente com o RH.

De acordo com mais de 1.500 líderes entrevistados no relatório de tendências em 2021 realizado pelo Great Place to Work (GPTW), a evolução do RH está seguindo os avanços tecnológicos. Tudo indica que as empresas estão cada vez mais focadas em tecnologia e precisarão repensar as rotinas.

Alguns exemplos das mudanças que podem ser aprimoradas pela tecnologia são a análise de dados e inteligência artificial para melhorar processos de recrutamento e seleção, avaliação, treinamentos e desenvolvimento de colaboradores. Dessa forma, o RH se torna cada vez mais estratégico e preciso dentro de uma organização.

Qual a origem do RH?

A origem da área de Recursos Humanos está relacionada à Segunda Revolução Industrial, entre o fim do século XIX e início do século XX. A princípio, o setor se chamava “Relações Industriais”, pois era comum dentro das indústrias. As funções eram mais administrativas e burocráticas, além de supervisionar o desempenho dos trabalhadores.

Nessa época, não havia preocupação com a saúde ou o bem-estar do colaborador, afinal, ele era visto apenas como mão de obra. Foi só após o fim da Segunda Guerra Mundial que a noção de condição social de pleno emprego passou a existir.

Então, foi dado o primeiro passo na evolução do RH: a ampliação de um modelo conhecido como “Estado de Bem-Estar Social”, que assegurou avanços na vida dos trabalhadores daquele período. O papel do RH deixou de ser apenas verificar a adequação dos colaboradores à empresa. A partir daí, era necessária uma estratégia para aumentar e melhorar a produção e os resultados, como oferecer benefícios e mantê-los motivados e engajados.

Outros avanços em áreas diversas impulsionaram esse movimento, como uma nova teoria administrativa, a pirâmide de necessidades de Maslow. Dessa forma, o RH iniciou a jornada por uma abordagem mais humanizada nas organizações.

Quais as áreas de atuação do RH?

O RH então tem duas principais funções: atuar incentivando o interesse do colaborador de melhorar a qualidade do próprio desempenho e, por meio da execução de suas funções, ter mais autonomia. Com a mudança de lidar apenas com tarefas burocráticas para ter um papel estratégico na companhia, as áreas de atuação podem ser:

  • recrutamento e seleção;
  • gestão de documentos;
  • avaliações de desempenho;
  • tomada de decisões;
  • integração dos setores internos;
  • análise e solução de problemas;
  • formação e capacitação profissional;
  • estabelecimento de metas relevantes;
  • desenvolvimento pessoal;
  • elaboração de planos de carreira;
  • controle e auditoria de recursos humanos;
  • estabelecimento de políticas de remunerações e de benefícios;
  • gerenciamento de setores organizacionais;
  • avaliação de propostas de crescimento corporativo e organizacional;
  • investimento em novas estratégias, como a digitalização do RH;
  • preservação da infraestrutura.

Quais são as cinco fases da evolução de RH no Brasil?

As transformações no RH acontecem em ritmo acelerado, mas, de acordo com os especialistas, é possível identificar cinco grandes fases que mostram a evolução do RH para um patamar mais estratégico e essencial para o crescimento saudável das empresas. Veja quais são elas a seguir!

RH 1.0: o trabalhador empregado

Nesta fase, próxima ao fim da Segunda Guerra Mundial, o RH era basicamente o executor de atividades burocráticas e administrativas. Suas funções eram resumidas à contratação e demissão de colaboradores. 

RH 2.0: o trabalhador funcionário

Já focado mais na gestão, aqui a evolução do RH passa por atuar como parceiro de negócios. Participando em uma perspectiva mais gerencial, começa o oferecimento de benefícios e promoções baseado no desempenho e função dos colaboradores. É nessa fase que surge o termo “business partner”, um profissional que valoriza os aspectos técnicos, legais e processuais em análises para tomada de decisão.

RH 3.0: o trabalhador colaborador

No RH 3.0 é dado início a uma etapa de digitalização, sendo introduzidas soluções que facilitam a rotina de remuneração e processo seletivo. Agora, o profissional dessa área é visto como um “consultor de talentos”. 

Os grandes objetivos deste setor agora são manter a motivação e produtividade em alta e o aprendizado contínuo. Nesta fase começam a aparecer as métricas de desempenho e o colaborador já é visto como peça-chave para o sucesso do negócio.

RH 4.0: o colaborador transformador

A evolução do RH agora passa por uma parte fundamental da transformação digital, sendo a porta de entrada para uma nova forma de pensar em toda a organização. A tecnologia ganha muita força e a automação passa a ser usada dentro e fora do departamento.

O RH assume a importante função de gestor do capital humano quando para o colaborador passa a ser mais importante a capacidade de aprender habilidades novas e as competências comportamentais, ou soft skills, além das qualificações técnicas.

RH 5.0: o colaborador ágil

Chegamos ao tempo atual, em que o RH está passando pela transformação da “Sociedade 5.0”. Agora, tecnologias de Big Data, Inteligência Artificial e Internet das Coisas são ferramentas para criar soluções focadas no bem-estar e nas necessidades humanas. Não estamos falando apenas de usar a ciência disponível, mas sim entender como elas podem ajudar as pessoas a terem mais produtividade e agilidade.

Esta é uma fase atual da evolução do RH, então ainda não é característica de todas as organizações. Porém, aquelas que não estiverem atentas às mudanças e se adaptarem, vão entrar em desvantagem competitiva e podem perder seus talentos para concorrentes.

O que mudou no RH de hoje?

Como você pode notar, a evolução do RH passou por um processo de inserção de tecnologia e centralização nas pessoas, mudando de um modelo em que o setor era apenas um fiscalizador para ser de fato estratégico em relação ao capital humano. 

A visão de mercado também é diferente. Se antes ele era visto apenas como um meio, hoje é necessário entender e estudar o negócio em que está inserido e a influência que as pessoas e subprodutos têm sobre ele. A orientação por dados para a tomada de decisão é outra competência que o profissional de RH teve que aprender neste processo.

O que podemos aprender com a evolução do RH?

O desenvolvimento da área de Recursos Humanos caminha conforme as principais mudanças que acontecem na sociedade e a tendência é que ele continue se adaptando para atender a esses cenários. Isso tendo em foco a potencialização dos profissionais e compreensão das necessidades do capital humano.

Com uma atuação cada vez mais estratégica graças ao avanço da tecnologia, o RH não é mais apenas um setor isolado, mas sim parte do ecossistema e um grande aliado de gestores e líderes de grandes empresas.

Quais as esferas de excelência no setor de Recursos Humanos?

Para ter um RH preparado para os desafios modernos, é preciso se atentar a pelo menos cinco esferas de excelência. Falaremos mais sobre elas a seguir!

Excelência na liderança

O primeiro passo básico para o sucesso: tenha uma boa liderança. Se o profissional de RH não tiver as características necessárias para desempenhar a função, a performance de todo o time ficará comprometida. 

Excelência nas transações

Ainda sobre um bom líder, é fundamental que ele planeje estratégias para assegurar resultados cada vez mais promissores. É dever dele saber delegar funções e dedicar-se a tarefas mais analíticas, de acordo com a missão da empresa. 

Excelência nas soluções

Especialistas concordam que uma tendência do mercado é que as decisões sejam tomadas por um grupo de profissionais generalistas. Assim, os gestores devem estar por dentro dos processos de RH modernos e conhecer as estratégias que trazem soluções mais eficazes.

Excelência em talentos

A excelência do setor de RH está ligada diretamente à capacidade de trabalhar o capital intelectual disponível. Para isso, é essencial enxergar os talentos que se destacam e contribuem para garantir o diferencial da empresa. Então, crie oportunidades de desenvolvimento e garanta suporte adequado para manter a motivação em alta.

Excelência nos resultados

Agora você já sabe que a ação do RH tem um impacto enorme nos resultados da empresa. Podemos definir esse setor como um motor, já que é ele que recruta, capacita, seleciona e integra as equipes conforme as necessidades do negócio. Ou seja, é necessário assumir esse papel também nas metas organizacionais, oferecendo ideias, estratégias e soluções.

Qual o futuro do RH?

Ao passo que a evolução do RH acontece, a tendência é que ele ganhe cada vez mais relevância nas empresas. Nesse processo, a tecnologia se torna uma aliada fundamental, pois permite que os profissionais foquem em questões cada vez mais estratégicas, gerando eficiência operacional. 

Evolução do RH com unico l people

Para conquistar um RH estratégico de alto impacto e ganhar agilidade no seu time, a unico desenvolveu uma plataforma de RH digital completa, desburocratizando processos nos setores de Recursos Humanos para melhorar a gestão de pessoas. Essa solução permite o gerenciamento de todas as suas contratações em tempo real, com um processo de admissão digital que simplifica a burocracia e acelera a seleção de talentos para a sua empresa. 

Com o unico | people, você digitaliza seu RH e transforma completamente a maneira de fazer contratações. Na nossa plataforma, é possível gerenciar em tempo real os processos de admissão e automatizar a validação de dados e documentos junto ao eSocial e aos Correios. Além disso, a empresa e o candidato assinam eletronicamente todos os documentos de RH.

Quer continuar a leitura sobre o tema e aprofundar seus conhecimentos? Leia sobre o futuro do RH, suas tendências e inovações!

Conheça o unico | people
thumb
Digitalize seu DP com assinatura eletrônica e admissão 100% digital
  •  iconeAdmita um funcionário em até 43 minutos
  • iconeAssine eletronicamente todos os documentos de RH
  • iconeGerencie todas as suas contratações em tempo real
  • iconeSuporte ao candidato 24 x 7 via chatbot
Conheça nossa solução
icone carta

Inscreva-se e fique por dentro das tendências da tendências do mundo do RH.

Artigos relacionados