Por categoria:

  • Bancos
  • E-commerce
  • Financeira
  • Fintech
  • Saúde
  • Varejo

Tecnologia de Biometria Facial: veja as tendências para 2022

Avatar
Camila Silva
  • 4 de janeiro de 2022
  • 4 min de leitura
infocheck

Apesar de ser ainda relativamente recente no mercado, é evidente que a biometria facial veio para ficar. Devido à sua própria natureza, com treinamentos recorrentes de algoritmos e aprimoramentos contínuos da assertividade no reconhecimento facial, a expectativa é que essa tecnologia se torne cada vez mais ágil e precisa. Com isso, a tendência é que seu leque de aplicações fique também cada vez maior.

De acordo com dados da Statista, em 2020, o mercado mundial da tecnologia de biometria facial foi de 3,8 bilhões de dólares, ou 21,5 bilhões de Reais. A expectativa do instituto é que, nos próximos 5 anos, esse valor de mercado mais que duplique, atingindo 48,5 bilhões de Reais.

Um relatório da Fortune Business Insights indica também que a utilização da biometria facial se intensificou ainda mais a partir da pandemia de Covid-19, que impôs uma aceleração no processo de transformação digital para diversas companhias. É o caso da prova de vida digital para a seguridade social, que ajudou a preservar a saúde e manter seguras milhares de pessoas durante o período mais agudo do isolamento social.

Neste texto, vamos abordar então as principais tendências da biometria facial para 2022, colocando em questão as inovações, seus usos e aplicações em diferentes setores, bem como você e sua empresa podem usar essa tecnologia para aumentar a segurança das suas operações.

Tecnologia de biometria facial: tendências em diferentes setores para 2022 e além

Bancos, fintechs e financeiras

O setor financeiro já está sendo amplamente beneficiado com a tecnologia de reconhecimento facial, em especial no onboarding digital de clientes. De acordo com a Forbes, cerca de 80% das instituições financeiras adicionaram novos sistemas para abertura de contas digitais ou aprimoram os já existentes.

Neste caso, a biometria facial é utilizada para autenticar a identidade dos novos usuários, garantindo, a partir da análise das imagens e dos documentos, que ele é realmente quem diz ser, minimizando o risco de fraudes de identidade. A identidade dos clientes é checada a partir de um procedimento simples e rápido, em que o usuário é solicitado a tirar uma selfie. 

Ainda segundo dados divulgados pela Forbes, no segundo trimestre de 2020, apenas 36% das contas bancárias foram abertas presencialmente, enquanto 64% foram abertas digitalmente. Novamente, a pandemia parece ter sido um grande motivador para a digitalização desse processo.

grafico-abertura-de-contas-bancos-digitais-estados-unidos-2017-2018-2019-2020-forbes
Contas correntes abertas por canal entre 2017 e 2020 nos Estados Unidos. No início do período analisado, 44% das contas foram abertas digitalmente. Esse número aumentou para 64% em menos de 3 anos. Fonte: Forbes.

A biometria facial também pode ser utilizada para outros propósitos dentro do setor financeiro, como: 

  • prevenção de transações fraudulentas;
  • análises de concessão de crédito;
  • realização de transações e pagamentos via face;
  • autenticação multifatorial, que garante maior segurança no acesso à conta bancária do usuário.

E-commerce e varejo

No comércio físico e no eletrônico também, o reconhecimento facial tem ganhado espaço, principalmente no tocante à prevenção de fraudes no varejo, como chargeback e falsificação de identidade. Contudo, existem outros benefícios que a tecnologia já está proporcionando, por exemplo, uma melhor experiência para o consumidor.

Com a biometria facial, os procedimentos de autenticação são muito mais ágeis, deixando de lado o envio de links de confirmação para e-mails e a digitação manual de dados como senha, CPF, RG, nome completo, entre outros dados. 

Isso significa uma experiência de compra muito menos burocrática e com menor fricção, e pode até aumentar a conversão de vendas, ao diminuir o número de etapas necessárias para concluir a jornada de compra.

A experiência no varejo tradicional também pode ser beneficiada com a tecnologia de biometria facial, com pagamentos via face ocupando o lugar dos pagamentos por aproximação, que têm sido alvo recorrente de fraudes. Outra aplicação é o oferecimento de bens e serviços personalizados para os clientes do varejo, a partir da identificação visual de sua identidade. 

Desde 2019, a gigante Alibaba já colocou em prática ambos esses usos, e também utiliza o reconhecimento facial para entender melhor o comportamento dos consumidores dentro de suas lojas físicas.

Saúde

A saúde é vista como um dos principais catalisadores para o crescimento do mercado de biometria facial nos próximos anos. O setor já está utilizando a tecnologia para aumentar a segurança e fortalecer a eficiência dos processos, com aplicações como:

  • Uso do reconhecimento facial para identificação de pacientes e acesso rápido ao histórico médico;
  • Segurança e prevenção à fraude em planos de saúde;
  • Autenticação de identidade de forma higiênica, evitando o contato físico em tempos de pandemia;
  • Detecção de doenças genéticas – é o caso da Síndrome de DiGeorge, por exemplo, que já é detectada com uma precisão de 96,65%;
  • Prova de vida digital, garantindo conforto e conveniência para o usuário, em especial para aquele que possui dificuldades de mobilidade.

O futuro da biometria facial já começou

Como você pôde ver, a tecnologia de reconhecimento facial já possui diversas aplicações, e a tendência é que seja crescentemente utilizada por empresas dos mais diferentes segmentos, seja na prevenção de fraudes, na autenticação de identidade ou na experiência de compra dos clientes.

E ao contrário do que muitos pensam, essa tecnologia não é inacessível em termos financeiros, pelo contrário: na maioria dos casos, há um excelente retorno sobre o investimento realizado, uma vez que você reduz gastos com outras coisas.

Por exemplo, o unico | check, a solução mais completa de biometria facial para onboarding e transação disponível no mercado brasileiro, gerou uma economia de mais de 22 milhões de reais para os clientes apenas no primeiro semestre de 2021.

Isso porque, além de prevenir fraudes e evitar gastos com judicializações relacionadas, o unico | check automatiza processos que antes eram feitos manualmente. Com isso, sua equipe tem um ganho de produtividade e uma redução dos custos operacionais.

Quer saber mais sobre como o unico | check pode contribuir com o seu negócio? Fale com um de nossos especialistas, conheça a solução e tire todas as suas dúvidas.

Conheça o unico | check
thumb
Identifique seus clientes com a maior base biométrica facial do Brasil
  •  icone Reduza fraudes de identidade
  • icone Agilize seu processo de onboarding
  • icone Reduza custos com antifraude
  • iconeElimine custos com mesa de análise
Conheça nossa solução
icone carta

Inscreva-se e fique por dentro das tendências da biometria facial.

Artigos relacionados